jump to navigation

Parada Gay – São Paulo 2007 20 - junho - 2007

Posted by Marcos Reis in Autoria própria, Opinião, Política.
trackback

.
gay-parada-2007.jpg


Armando Pereira, de 20 anos, afirmou que a festa é o evento mais esperado da vida dele. “É o único dia em que podemos nos soltar sem medo de levar tapa dos outros e ser vítima de preconceito”.
O presidente da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas e Bissexuais, Toni Reis, disse que a briga da entidade é a aprovação no senado do projeto 122/2006, que dá como crime a homofobia. “Esperamos que ainda esse ano o projeto seja aprovado. É nossa principal reivindicação”.

Segundo o prefeito, o investimento do governo municipal no evento totaliza R$ 400 milhões. “A Parada merece esse investimento”, concluiu.

A dona de casa Marta Soares, de 52 anos, trouxe a filha de 12 anos. As duas se dizem simpatizantes e vieram do Rio de Janeiro. Elas estão hospedadas desde a última quinta-feira em um hotel na região central. “Estamos adorando. É impressionante a união das pessoas e a vontade acabar com o preconceito”, disse, vestida toda de rosa e com plumas no pescoço.

Segundo os bombeiros que estão no atendimento no vão livre do Masp, a cada cinco minutos, duas pessoas dão entrada na unidade de atendimento com vômitos, causados por ingestão de bebida alcoólica e desmaios por hipoglicemia.

Fonte: Jornal Estado de São Paulo


Algumas perguntas:

* Por que um grupo de pessoas que fazem uma manifestação em prol de sua própria satisfação recebe tanta badalação? Por que este grupo não faz um grande movimento de ação social para quem realmente precisa? (visita em hospitais, casas de recuperação, asilos, favelas)

* O que é homofobia? Se a lei fosse aprovada eu poderia ser preso por estas perguntas que eu estou escrevendo? Se eu tenho a opinião de que a homossexualidade não é uma opção saudável para um indivíduo eu posso ser repreendido pela sociedade? E se o próprio homossexual escolher mudar o estilo de viver, ele seria condenado por pedir auxílio? E a liberdade de expressão, tão defendida por grupos que querem fugir dos padrões? Não há controvérsias? É no mínimo polêmico.

* Por que neste evento houveram tantas pessoas atendidas com vômitos, causados por ingestão de bebida alcoólica e desmaios por hipoglicemia? É um ambiente saudável para uma garota de 12 anos? O que isto contribui para a aprovação do PL 122/2006? Que tipo de protesto é esse?

* Já imaginaram 400 milhões investidos em educação? 400 milhões investidos em apoio à crianças em situação de risco? 400 milhões investidos na recuperação do pessoal que vive drogado e prostutuído na ‘Boca do Lixo’ em São Paulo? Por que este dinheiro é investido em um evento que visa a promoção de uma opção de satisfação pessoal?

Anúncios

Comentários»

1. Lukinhas - 20 - junho - 2007

Eai Markitus, tudo tranquilo?
Olha, essas perguntas ai são muito boas cara, e, oque mais me deixa furioso é que o Brasil ta mal, tem muita corrupção e os caras gastam uma nota na parada gay, aonde eu acredito que role mais do que bebidas alcoólicas, e agora pede para a mãe daquela menina se algum dia ela deu um livro para ela ler, ou invstio na cultura da guria, ou em estudos, pq que em vez de levar uma guria na para gay, ela tem 12 anos, ela nem deve ter pelos pubianos e a mãe influenciado e dando exemplo pra guria derrepente um dia virar lesbica ou bi..
Bom, eu não sou contra os homosexuais (pessoas), mas sim contra o homosexualismo (ação, ou ato), e infelizmente o inimigo distorceu uma coisa tão linda que Deus criou, que é o casal homem e mulher que é só alegria entre eles.
Até mais cara!

2. Marcos Reis - 25 - junho - 2007

“Para cheirar [cocaína], prefira um canudo individual a notas de dinheiro. Faça uma piteira de papel se for rolar um baseado” (trechos de panfleto que seria distribuído na Parada do Orgulho GLBT de São Paulo. O material tinha o selo do governo federal e a distribuição foi suspensa após a divulgação do conteúdo).

3. Marcos Reis - 15 - julho - 2007

Sobre a relação entre o movimento Gay e a pedofilia: http://brasilcontraapedofilia.wordpress.com/2007/07/14/pedofilia-ja-enquanto-ainda-estou-com-tudo-em-cima/ – Artigo revela em detalhes como funciona o pensamento do líder do movimento gay no Brasil, inclusive suas simpatias inegáveis pela pedofilia.

4. carla do nascimento - 22 - outubro - 2008

deiga não a homofobia e sim a igualdade………..

5. Marcos Reis - 28 - outubro - 2008

Claro Carla! Não à homofobia! Sim à aceitação de todas as pessoas! Mas nem por isso eu preciso concordar que a homossexualidade é um bom caminho a ser vivido. E nem por isso vou deixar de fazer críticas aos erros do movimento gay e de qualquer outro movimento ou classe que os cometa (MST, crentes, políticos, etc). E para que haja aceitação e compreensão, apesar das diferenças, é preciso que ambas as partes saibam dissociar as pessoas de seus atos, opiniões ou escolhas.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: